Women's hands in soapy foam. Hand hygiene and health concept.

Salve Vidas! Higienize suas mãos

A importância de higienizar as mãos.

Por: Keli Lima Neves

O dia 05 de Abril é uma data dedicada para falar sobre a importância da higienização das mãos e para quem trabalha com Food Safety parece brincadeira ter que falar sobre a necessidade de lavar as mãos de forma correta para garantir a segurança dos alimentos manipulados, nos dias atuais, após uma pandemia, onde todos andavam com um fresquinho de álcool no bolso para se proteger de um inimigo invisível, mas que todos sabíamos, estava (está) rodando por aí!  

O fato é que o SARS-CoV é apenas um, dentre tantos microrganismos que podem causar doenças e levar à morte. Desde 1844, essa luta para conscientizar as pessoas sobre a importância da lavagem e higienização correta das mãos é uma realidade!  

E não estou falando apenas da importância de lavar e higienizar as mãos para manipulação de alimentos, mas também para os profissionais da Saúde, haja visto a campanha da OMS para esta data: Salve vidas! Higienize suas mãos! Eis que essa já era a frase de Ignaz Semmelweis em 1844!  

Você sabe quem descobriu que higienizar as mãos poderá salvar vidas?

Ignaz Semmelweis, médico húngaro formado em 1844, foi trabalhar na primeira clínica de Obstetrícia do Hospital Geral de Viena, na Áustria. Lá constatou que a taxa de mortalidade materna por infecção pós parto (febre puerperal) era muito alta. Começou a estudar as causas e soluções, concluindo que lavar as mãos antes dos partos poderia reduzir o índice.

Experimento em clínicas em Viena

Em um clínica que ele trabalhava, os médicos carregavam as bactérias de cadáveres nas mãos e levavam para as salas de parto. Enquanto em outra clínica, trabalhavam parteiras e enfermeiras sem contato com necropsias.  

Foi então que ele instituiu a prática de lavar as mãos com solução de cal clorada para médicos e estudantes antes de realizarem os partos.  

Essa medida reduziu drasticamente o índice de mortalidade, que chegava a 18% para quase 2%.

Foi uma tentativa digna, mas fracassada. Semmelweis acabou sendo demonizado por seus colegas. 

Depois, de sua morte, ele ficou conhecido como o “Salvador das Mães”. 

 Uma das últimas coisas que Semmelweis escreveu foi: 

 “Quando revejo o passado, só posso dissipar a tristeza que me invade imaginando o futuro feliz em que a infecção será banida… A convicção de que esse momento deve chegar inevitavelmente mais cedo ou mais tarde alegrará o momento de minha morte”. 

Seguimos, tentando construir uma cultura de segurança positiva, onde a higienização das mãos (da forma correta) deve se tornar um hábito na vida! 

 

Você, ainda tem dificuldade com esse assunto por aí? 

 

Deixamos dois modelinhos de cartaz com o procedimento de higienização das mãos para você! Só baixar e fixar onde precisar!! 

 

Clique aqui e baixe seu material https://conteudo.brqualityconsultoria.com.br/cadastro-checklist-higiene-maos

Incentive a higienização das mãos onde você estiver e seja um exemplo!  😉

 

Adicione um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

cinco − cinco =